Descubra agora porque a Vitamina C ajuda no tratamento da gripe

Descubra agora porque a Vitamina C ajuda no tratamento da gripe

vitamina c medicina germanica

Segundo a Medicina Tradicional as mudanças climáticas são responsáveis por diversas doenças como, por exemplo, gripes e resfriados. A Organização Mundial de Saúde estimou que a gripe atinge gravemente cerca de 3,5 milhões de pessoas. Dentre os medicamentos receitados pelos médicos, encontra-se a vitamina C como forma de ajudar o sistema imunológico e de aliviar os sintomas da doença. Vamos entender agora um pouco mais sobre a vitamina C.

O que é a vitamina C?

A vitamina C é um dos nutrientes mais conhecidos pela população em geral devido a seus benefícios que ajudam a manter a boa saúde. Ela pode ser encontrada em suplementos de vitamina e em alimentos, tais como:

  • Laranja
  • Kiwi
  • Goiaba
  • Couve
  • Abacaxi
  • Pimenta vermelha
  • Brócolis
  • Goiaba

O consumo da Vitamina C aumenta consideravelmente durante o período do inverno para tratar resfriados e gripes. Entre seus benefícios estão:

  • Fortalece do sistema imunológico
  • Propriedades Antioxidantes
  • Proteção contra Doenças Cardiovasculares
  • Combate aos Efeitos do Stress
  • Melhora a saúde dos olhos
  • Ajuda na beleza da pele entre outros.

Apesar de todos os benefícios descritos referente a vitamina C, o motivo primordial que ela ajuda no tratamento da gripe vai muito além do que normalmente é relevado pela medicina tradicional.

Entenda a seguir qual o real papel da vitamina C, segundo a Medicina Germânica,  que ajudará seu paciente a compreender e superar os sintomas da gripe de forma consciente.

Por que a Vitamina C ajuda na gripe?

Para entendermos a real razão pela qual a vitamina C ajuda no tratamento da gripe ou resfriados precisamos compreender, primeiramente, as suas fases pois todos nós temos um ritmo que varia naturalmente, isto é, durante o dia estamos mais agitados e a noite ficamos mais relaxados.

Dr.Hamer, descobridor da Medicina Germânica, comprovou através de milhares de estudos que todas as enfermidades passam por 02 fases em concordância com nossos ritmos biológicos naturais:

1)Fase do stress:  Após um DHS, vivência de uma situação estressante inesperada,  entramos numa fase de conflito que é a fase simpaticotônica. Durante o dia o organismo está ativo no estado simpaticotônico normal de stress (luta ou fuga).

2)Fase de resolução do conflito: Quando resolvemos o conflito começa a fase de cura em que o corpo pode relaxar e todo o organismo entra em vagotonia. Durante o sono entramos no estado de vagotonia, ou seja, de descanso e digestão.

Dr. Hamer observou que 80% dos pacientes que recebem o diagnóstico de alguma enfermidade já estão na fase de cura, ou seja, é na fase de vagotonia que aparecem os sintomas da gripe como cansaço, corizas, febres, dor de cabeça, dor no corpo e mau estar geral.

Nesta fase, o paciente deve evitar o uso de substâncias vagotônicas e adotar substâncias simpaticotônicas ,ou seja, estimulantes como a vitamina C com objetivo de aliviar os sintomas. A vitamina C ajudará a compensar os efeitos da fase de cura, especialmente quando se tem dor de cabeça, fadiga ou dores no corpo.

Quando o paciente está na fase de cura de uma gripe, ele toma remédio acreditando erroneamente que está impulsionando o sistema imunológico porém a ação da vitamina C age de forma diferente. A ação da vitamina C, na verdade, aumenta a tensão no corpo do paciente visando diminuir os sintomas.

Em outras palavras, na fase de cura onde ocorrem os sintomas da gripe, o corpo não está mais na fase ativa com sentido biológico de procurar a solução, portanto é necessário que recriemos um ambiente igual a fase de stress, através da ingestão da vitamina C, para que o corpo reaja e ajude a minimizar os sintomas.

O paciente fica 100% curado quando a fase de cura acaba pois seu organismo retornar à normalidade. Vale lembrar que a vitamina C por si só não cura a doença, no entanto, ela irá certamente acelerar o processo de cura da gripe.

Conclusão:

É importante entender o que acontece em cada fase da gripe para identificar em qual fase seu paciente se encontra e, assim, tomar uma decisão consciente e assertiva à respeito de quando deve introduzir a vitamina C para tratar o paciente.

Este conhecimento é essencial pois se a vitamina C for ingerida na fase do conflito do stress poderá aumentar os sintomas gerando desconforto no paciente. Já quando administrada na fase de cura, a vitamina C diminui os sintomas ajudando o paciente a sentir o alívio e bem estar.

Gostou do artigo? Compartilhe com outros profissionais da saúde ou com um amigo querido que poderá ajudar.

Conheça ainda mais a Germânica Heilkunde através do nosso ebook:

Nova-medicina-germanica-pdf

 

Este blog é apenas um blog educativo. As informações e serviços aqui contidos não devem ser interpretados como um diagnóstico, tratamento, prescrição ou cura para a doença. Aqueles que buscam tratamento para uma doença específica devem consultar seu médico para determinar o protocolo de tratamento adequado, correto e aceito antes de usar qualquer coisa que é divulgado nesta página. O material referenciado acima reflete a convicção sincera da Dra. Marina Bernardi sobre esta nova medicina.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Instagram

  • Hoje é  aniversário  dele❤
Um anjo abençoado que entrou em minha vida e acreditou em mim.
Porque uma simples atitude pode mudar toda sua vida?Com 3 meses de namoro ele investiu em mim. Eu não  tinha dinheiro pra fazer o curso de Microfisioterapia, há  10 anos atrás. Ele pagou. E a partir disso as portas só  se abriram. Se não  fosse por ele, pode apostar, eu não teria conquistado a maior parte das coisas que já conquistei.
Ele é  meu apoio diário, e minha alegria.
Amor que sua bondade e alegria nunca deixem de estar presente em sua vida. Sua motivação  é  algo cativante e que deve ser cultivada sempre.
Que Deus ilumine seus caminhosNós  te amamos 👼❤👪🐶
Feliz aniversário
  • Meu bebê chora muito, o que fazer?😱 Será que é fome? Dor de barriga? Hora de trocar a fralda?Existem vários motivos para seu bebê chorar excessivamente, porém..... Existe 01 MOTIVO ESPECIAL que você precisa saber!Mesmo em casos em que a gravidez foi super tranquila, o bebê ainda assim pode passar por algum CONFLITO como, por exemplo, ele pode ter se sentido muito apertado dentro da barriga, pode ter escutado barulhos que não gostou, etc.Como resolver isso?Seguem 03 DICAS para ajudar seu bebê a parar de chorar excessivamente: ✔️1.ACEITAR
Não julgue ou compare seu filho com outros bebês, aceite ele como um ser único e sua forma de se expressar.Cada bebê tem sua forma de perceber e sentir as coisas ao seu redor e, dependendo da forma que ele vive essa experiência, seu corpo pode responder através o choro excessivo. ✔️2.ENTENDER
Entenda que o fato do bebê chorar muito pode estar diretamente relacionado com conflitos que aconteceram ainda na barriga da mãe.O que para uma mãe pode ser tranquilo, para seu bebê dentro da barriga pode ser altamente desconfortável.Imagine que cheguem visitas em sua casa e que, apesar da mãe estar se divertido, conversando e escutando música junto com seus amigos, essa situação pode ser uma experiência desconfortável para o bebê.As músicas e as vozes que ele escuta podem estar altas demais e dependendo do tom das vozes pode até parecer ameaçador para ele. ✔️3.ACOLHER
Depois de aceitar e entender, é hora de acolher seu bebê com muito amor para ajudá-lo a superar o conflito que passou e resolver a causa do choro excessivo de uma vez por todas.Quando o bebê precisa da mãe e não encontra o apoio necessário, ele continua com o conflito e o choro excessivo é uma forma de mostrar isso.Quando a mãe aceita, entende e acolhe seu bebê ele se sente seguro e amado e, muitas vezes, é tudo o que ele precisa para mudar seu comportamento, parar de chorar e ficar tranquilo.Gostou então compartilhe com alguém que precisa saber disso!
  • Você deve fazer isso para se tornar expert em Germânica Heilkunde😍

Siga-me!!!