Como ajudar pacientes com câncer?

Através deste artigo, irei abordar sobre o câncer na visão da Medicina Germânica Heilkunde e como você pode ajudar seu paciente com esse diagnóstico.

Primeiramente, para explicar melhor o que é o câncer, vou falar sobre a Terceira Lei Biológica, descoberta pelo Dr. Hamer.

A Terceira Lei Biológica fala do comportamento dos tecidos e mostra que após sofrer um DHS (choque inesperado, traumático e vivido em solidão) irá gerar um Foco de Hamer no cérebro.

A localização do Foco de Hamer no cérebro, bem como a proliferação ou perda celular após um DHS não são acidentais, mas fazem parte de um sistema biológico significativo inerente a todo organismo vivo.

Um DHS atinge ao mesmo tempo o cérebro, psique e órgãos (tríade de Dr. Hamer). De acordo com a origem embriológica do órgão afetado, haverá um tipo de resposta biológica durante as fases de conflito.

A pesquisa em relação ao câncer feita pelo Dr. Hamer começou através de um grande impacto em sua vida, que foi a perda de seu filho ( Dirk Hamer), fazendo ele desenvolver um tumor no testículo.

Dr. Hamer concluiu que toda pessoa que desenvolve o câncer sofreu um impacto muito grande em sua vida.

Saiba mais sobre a nova medicina e o câncer através do vídeo abaixo:

Tecidos e folhetos germinativos

Todos os órgãos em nosso corpo se desenvolvem a partir de três tecidos: endoderma, mesoderma e ectoderma.

Segundo a nova medicina, as doenças (Programas Biológicos) ocorrem em duas fases, a fase ativa e a fase de cura do conflito.

Órgãos originados do endoderma / mesoderma antigo: 

  • Fase ativa: proliferação celular;
  • Fase de cura: degradação celular.

Órgãos originados do ectoderma/ mesoderma novo:

  • Fase ativa: perda celular (necrose ou ulceração);
  • Fase de cura: proliferação celular.

Quando ocorre o câncer?

Conforme estudado pela Terceira Lei Biológica, em alguns tecidos embriológicos ocorre a multiplicação celular em fase ativa e outros em fase de cura.

Dependendo do grau (quantidade) de produção celular pode ocorrer o diagnóstico médico de tumor ou câncer.

Importante: Com isso, o tumor ou câncer pode ser diagnosticado enquanto estamos vivenciando um conflito biológico (fase ativa) ou após a resolução dele (fase de cura).

Por que acontece o câncer?

O diagnóstico de câncer é apropriado à medicina tradicional. Para a Medicina Germânica Heilkunde o crescimento celular, dito como “anormal”, não é maligno e ocorre por algum motivo biológico (primitivo).

Quando a multiplicação celular ocorre em fase ativa, o objetivo biológico é aumentar o funcionamento daquele órgão para ajudar (de forma primitiva) a resolver os conflitos ou nos proteger.

Por exemplo: Um conflito que tenha o conceito de “não ser rápido o suficiente” levará a proliferação celular da glândula tireóide, aumentando a produção de tiroxina para “tornar” a pessoa mais ágil para conseguir resolver o conflito (os hormônios da tireóide aceleram o metabolismo).

Quando a multiplicação celular ocorre em fase de cura, o objetivo biológico é repor as células “perdidas” em fase ativa.

Por exemplo: Um conflito de raiva territorial pode afetar o estômago, que em fase ativa ocorre a ulceração e em fase de cura haverá proliferação celular para repor a ulceração ocorrida na fase ativa.

Podendo ocorrer em ambas as situações, o diagnóstico de câncer.

Metástases

Dr. Hamer em seus estudos identificou que as metástases, na verdade, são decorrentes de novos conflitos, associados ou não ao conflito que originou o câncer primário.

Como vimos anteriormente, o conflito biológico irá gerar resposta em um órgão específico.

Se a proliferação celular ocorrer em mais órgãos, significa que houve outros conflitos biológicos.

Por exemplo: Um paciente teve um conflito de raiva territorial, em seguida foi diagnosticado com câncer de estômago. O próprio diagnóstico pode gerar um novo conflito biológico, por exemplo, o paciente sente medo de morrer. Isso irá gerar proliferação celular dos alvéolos pulmonares (câncer de pulmão).

Como ajudar seu paciente com câncer?

Pacientes com câncer: como aplicar a Medicina Germânica Heilkunde?

Confira cinco passos para ajudar seu paciente com câncer:

  • Primeiro passo: Explique as leis biológicas e tranquilize seu paciente, pois como vimos o câncer ou tumor é uma resposta biológica com um propósito biológico de defesa e/ou para ajudar na resolução do conflito;
  • Segundo passo: Ajude seu paciente a identificar o conflito biológico que iniciou o programa biológico;
  • Terceiro passo: Guie seu paciente em busca da resolução do conflito;
  • Quarto passo: Identifique e elimine os trilhos do conflito, assim como deve-se evitar recaídas do mesmo conflito;
  • Quinto passo: Respeite o processo de cura.

“A Medicina Germânica Heilkunde pode e deve ser uma aliada fundamental para os tratamentos convencionais do câncer.”

Conclusão

Espero que você tenha compreendido sobre como você pode ajudar seu paciente com câncer.

Considerou o artigo útil? Compartilhe esse artigo para que possamos ajudar mais pessoas a terem conhecimento sobre a Medicina Germânica Heilkunde.

>>> Garanta agora mesmo: Guia definitivo da Medicina Germânica Heilkunde

Este blog é apenas um blog educativo. As informações e serviços aqui contidos não devem ser interpretados como um diagnóstico, tratamento, prescrição ou cura para a doença. Aqueles que buscam tratamento para uma doença específica devem consultar seu médico para determinar o protocolo de tratamento adequado, correto e aceito antes de usar qualquer coisa que é divulgado nesta página. O material referenciado acima reflete a convicção sincera da Dra. Marina Bernardi sobre esta nova medicina.