Epidemias pela nova medicina

Neste artigo vou falar sobre um dos assuntos mais comentados dos últimos tempos, as epidemias. Na verdade, o que são epidemias pela Medicina Germânica Heilkunde?

Primeiramente, tenho que falar sobre a Quarta Lei Biológica descoberta por Dr.Hamer. 

A Quarta Lei Biológica mostra que as chamadas “doenças infecciosas” ocorrem exclusivamente na segunda fase de um Programa Especial Biológico, onde o organismo utiliza os micróbios para otimizar a cicatrização.

Qual é o papel dos micróbios em nosso organismo?

Durante suas atividades, os micróbios requerem um ambiente quente, daí o desenvolvimento de uma inflamação e febre. 

Os micróbios também precisam de um meio ácido, que é fornecido adequadamente pelo estado vagotônico que é dominante em todas as fases de cura. 

Portanto, o início de uma “infecção” não é como se supõe, causado por um nível de pH desequilibrado, mas sim pela transição da fase de conflito ativa para a fase de cura.

Os glóbulos brancos (como leucócitos e linfócitos) apoiam o trabalho microbiano. Acreditando ser uma guerra biológica travada dentro do organismo humano, a medicina tradicional interpreta o aumento dos glóbulos brancos (“células assassinas”) como uma “resposta imunológica” destinada a “atacar” e “combater a infecção”. 

Conforme a Quarta Lei Biológica, a construção acadêmica de um “sistema imunológico” concebido como um “sistema de defesa” contra micróbios (e células cancerígenas), torna-se algo totalmente sem sentido para a nova medicina.

As doenças não são contagiosas

Com base na Segunda Lei Biológica de Dr. Hamer, as “infecções” não podem ser transmitidas a outra pessoa, pois os sintomas (corrimento, inflamação ou febre) já são sintomas de cura.

Um DHS que ativa um Programa Especial Biológico é uma experiência de conflito totalmente individual. 

Por exemplo, se duas ou mais pessoas tiverem os mesmos sintomas, como um resfriado, diarréia ou uma gripe estomacal, isso significa que todas elas estão na fase de cura do mesmo tipo de conflito (conflito de mal cheiro, conflito de bocado indigesto, conflito de raiva territorial) que vivenciaram, digamos, na escola, em casa ou no trabalho. 

A ideia de que todos possuem um “sistema imunológico fraco” naquele momento é bastante absurda para a Medicina Germânica Heilkunde.

O que são epidemias?

O que são epidemias? Pela Medicina Germânica Heilkunde

Para a nova medicina, as epidemias são resultantes de conflitos que afetam grandes populações (conflitos de ataque, conflitos de medo territorial e conflitos de medo da morte). 

Por exemplo, foi o caso da Grande Peste, da Gripe Espanhola e da epidemia de tuberculose pulmonar após a Primeira Guerra Mundial. 

Hoje em dia, esses choques de conflito coletivo são facilmente evocados por meio de reportagens assustadoras da mídia (ameaças de colapso econômico, ameaças de uma guerra global, ameaças de ataques terroristas e ameaças de um “vírus mortal”). 

O surto que se seguiu, chamado de SARS, gripe suína e COVID-19, na verdade, é uma profecia autorrealizável.

Influência de aspectos culturais, políticos, sociais ou econômicos

Aspectos culturais, políticos, sociais ou econômicos são fatores decisivos para que as pessoas em determinadas regiões sejam mais (ou menos) vulneráveis ​​a vivenciar tipos específicos de conflitos.

Por exemplo, alguns estudos mostram que as taxas de incidência e prevalência de diabetes (ligadas a conflitos de resistência) são mais altas entre os povos indígenas em comparação com a população em geral.

O fato das mulheres ocidentais terem maiores taxas de câncer de mama (ligadas a conflitos de separação) do que as mulheres chinesas não tem nada a ver com sua dieta diferente, como sugerido, mas com a taxa significativamente maior de divórcios de mulheres que vivem na América do Norte e na Europa.

Conclusão

Espero que você tenha compreendido sobre o significado do termo pandemia pela Medicina Germânica Heilkunde.

Considerou o artigo útil? Compartilhe esse artigo para que possamos ajudar mais pessoas a terem conhecimento sobre a Medicina Germânica Heilkunde.

>>> Garanta agora mesmo: Guia definitivo da Medicina Germânica Heilkunde

Este blog é apenas um blog educativo. As informações e serviços aqui contidos não devem ser interpretados como um diagnóstico, tratamento, prescrição ou cura para a doença. Aqueles que buscam tratamento para uma doença específica devem consultar seu médico para determinar o protocolo de tratamento adequado, correto e aceito antes de usar qualquer coisa que é divulgado nesta página. O material referenciado acima reflete a convicção sincera da Dra. Marina Bernardi sobre esta nova medicina.