Por que culpar o Colesterol não funciona…e o que fazer a respeito

Por que culpar o Colesterol não funciona…e o que fazer a respeito

O mito do Colesterol

Você acredita que o colesterol é inimigo do seu corpo? É muito provável que você tenha sido apresentado ao colesterol como o “vilão” do seu organismo, porém é hora de repensar sobre isso e descobrir como, na verdade, ele é o “mocinho” da história.

Antes de revelar sua real função em nosso corpo é preciso, primeiramente, entender o que é colesterol. Vamos lá?

O que é colesterol?

O colesterol é visto pela medicina tradicional como um tipo de gordura que, caso não seja controlado, pode ser uma ameaça para nosso corpo e causar doenças cardiovasculares como, por exemplo, um infarto ou derrame.

Explica-se que isso ocorre porque ele pode se depositar nas artérias, estreitando os vasos e impedindo o fluxo de sangue no organismo.

A maior parte do colesterol que circula no sangue é produzido pelo fígado e o restante é produzido através da alimentação. Sua locomoção no organismo é feita pelas chamadas lipoproteínas HDL, LDL e VLDL.

  • HDL (high density lipoproteins) são lipoproteínas de alta densidade, conhecidas como o “colesterol bom”.
  • LDL (low density lipoproteins) são lipoproteínas de baixa densidade, conhecidas como o “colesterol ruim”.
  • VLDL (very low density lipoprotein) são lipoproteínas de densidade muito baixa, conhecidas como o “colesterol ruim”.

Mas será mesmo que existe colesterol bom e colesterol ruim? Será que para vivermos de forma saudável precisamos, realmente, baixar o nível de colesterol? É o que veremos a seguir!

O Mito do Colesterol

Na década de 1930, pesquisadores encontraram o colesterol como um dos componentes das placas ateroscleróticas e, portanto, concluíram que ele era o principal responsável pelas doenças cardíacas.

Baseado nos limites da tecnologia usada naquela época fazia sentido chegar a essa conclusão porém, atualmente, sabemos da complexidade e perfeição do corpo humano e não temos mais como dizer que ele é como uma tubulação de canos que entope e para de funcionar, ou seja, que o colesterol tem a capacidade de entupir as artérias e, por isso, as pessoas podem morrer de infarto por exemplo.

Dr. Lair Ribeiro, mestre em cardiologia, autor de mais de 100 trabalhos científicos publicados e de livros best sellers nos fala de alguns mitos sobre o colesterol, vejamos 08 mitos que ele aborda:

  • Mito 01: Alimento gorduroso faz mal para o coração: Na realidade o coração gosta de gordura, 70% da energia que o coração usa provém da gordura e não do carboidrato.
  • Mito 02 – Colesterol alto causa doença cardíaca: Esta foi uma hipótese e nunca, de fato, foi comprovada.
  • Mito 03 – Alimento gorduroso aumenta o colesterol: Na verdade o colesterol aumenta devido ao consumo de carboidratos.
  • Mito 04 – O colesterol alto no sangue bloqueia as artérias: Ele não é inimigo do nosso corpo, pelo contrário, ele ajuda e salva a artéria quando ela está lesada.
  • Mito 05 – Colesterol baixo prolonga sua vida: Isto não é verdade, nunca teve comprovação desses fatos.
  • Mito 06 – O remédio estatina faz bem para a saúde: Além de não fazer bem, a estatina faz muito mal para sua saúde agindo como um veneno para seu corpo.
  • Mito 07 – Os cientistas apoiam a hipótese de que o colesterol causa doença cardíaca: Isto está errado, todos os cientistas pesquisadores acham que esta hipótese não procede.
  • Mito 08 – Colesterol é feito de gordura: Ele é feito de carboidrato, principalmente do fígado.

Dr. Lair Ribeiro alega, ainda, que existem estudos com crianças que constataram que quanto mais alto o colesterol, mais elas sobrevivem a uma infecção. Outros estudos comprovaram que quanto mais alto o colesterol em pessoas com mais de 65 anos, melhor e maior a sua sobrevivência.

“Desafio qualquer um a me provar que baixando o colesterol, baixa-se o risco cardíaco” Dr.Lair Ribeiro

Percebemos então que a busca incessante por baixar o colesterol precisa urgentemente ser revista e repensada.

A seguir, para reforçar a sua importância e fortalecer a quebra desses mitos veremos, através da Germânica, qual a real função do colesterol em nosso corpo.

O Colesterol na visão da Germânica Heilkunde

A Germânica Heilkunde,  através de milhares de estudos comprovados pelo Dr.Hamer, veio para quebrar paradigmas e mostrar como, de fato, nosso corpo funciona.

Uma das grandes lições da Nova Medicina é demonstrar que a nossa natureza é perfeita e que jamais nosso corpo fará algo contra ele próprio.

Assim sendo, o colesterol alto não é algo ruim e seu nível irá variar de acordo com a necessidade do organismo e, sempre, com o objetivo de ajudar o mesmo a sobreviver.

A doença cardíaca acontece por um outro motivo que ativa o acúmulo de colesterol no organismo. Isso nos mostra, consequentemente, que não é quantidade de colesterol que precisa ser tratada mas sim a raiz, o motivo que causou o aumento e acúmulo do colesterol no organismo.

O colesterol alto ocorre por uma função biológica quando existem conflitos biológicos muito específicos.

Uma das respostas do corpo a estes conflitos é o aumento do colesterol, ou seja, eventos que ocorrem em nossa vida como a auto desvalorização ou perda de um território como, por exemplo, a perda de um trabalho podem levar a uma necrose nos vasos.

Após ocorrer a necrose é necessário a restauração dos vasos que é feita com a ajuda do colesterol e, exatamente por isso, o nível de colesterol precisa aumentar para ser capaz de restaurar e ajudar nosso organismo a voltar à sua normalidade.

“Fazer uma ligação entre o colesterol elevado e o início de um ataque cardíaco é um erro fundamental no raciocínio científico.” Dr.Hamer

Quando o processo de cura é prolongado devido, por exemplo, a gatilhos do conflito tornando-o recorrente, o corpo precisa produzir mais colesterol gerando um acúmulo de placas que forma a arteriosclerose, ou seja, o “endurecimento” dos vasos sanguíneos. Todavia, o infarto não é causado pela arteriosclerose.

Estudos publicados no American Journal of Cardiology, em 1988, comprovaram resultados que contradizem a teoria do bloqueio da artéria coronária pois, mesmo que as artérias coronárias estejam num alto grau de entupimento, o sangue mesmo assim consegue chegar aos músculos do coração através de vasos colaterais que entram em ação e ajudam a suprir esse órgão.

Percebemos que, independente do entupimento dos vasos, o nosso corpo responde e ativa uma nova solução para que o sangue cumpra suas funçōes e fica claro, mais uma vez, que o colesterol não é a causa das doenças cardiovasculares.

“O colesterol é importante para a saúde cardiovascular. O colesterol é um ingrediente necessário em qualquer tipo de reparo celular ”. Dr. Ron Rosedale, M.D., O Mito do Colesterol

Até mesmo o LDL conhecido tradicionalmente como o “colesterol ruim” , em verdade, é um colesterol bom que contribui com nosso organismo pois, por ser pegajoso, é considerado ideal para fazer a reparação da parede dos vasos sanguíneos.

Por último, vale ressaltar um dado alarmante já que os medicamentos para baixar o nível de colesterol estão entre os mais vendidos mundo.

Uma vez sabendo que o colesterol não é um “vilão”, é preciso repensar o uso de medicamentos como as estatinas para prevenir doenças cardíacas que, na verdade, suprimem a produção de colesterol no fígado, danificam tecido muscular como, por exemplo, o músculo cardíaco comprometendo o bom funcionamento do nosso organismo.

“A indústria farmacêutica é que está por trás e tomou conta do cérebro do médico […] e o médico sai de lá educado para trabalhar somente com a indústria farmacêutica, que não está preocupada com a saúde … ela (a indústria) está preocupada em vender remédios e nós acabamos seguindo isso” Dr. Lair Ribeiro

Conclusão

Existem muitos mitos a respeito do colesterol que precisam ser quebrados para que possamos compreender o real funcionamento do nosso corpo. Muitas pessoas, infelizmente, acreditam que o colesterol é um inimigo e até se medicam sem saber que, no fundo, estão comprometendo a sua saúde. Quanto mais conhecimentos tivermos acerca do colesterol, mais poder teremos de tomar açōes conscientes e assertivas para uma vida saudável. Pense nisso…

Gostou do artigo? Compartilhe com outros profissionais da saúde ou com um amigo querido que poderá ajudar.

Conheça ainda mais a Germânica Heilkunde através do nosso ebook:

Nova-medicina-germanica-pdf

Este blog é apenas um blog educativo. As informações e serviços aqui contidos não devem ser interpretados como um diagnóstico, tratamento, prescrição ou cura para a doença. Aqueles que buscam tratamento para uma doença específica devem consultar seu médico para determinar o protocolo de tratamento adequado, correto e aceito antes de usar qualquer coisa que é divulgado nesta página. O material referenciado acima reflete a convicção sincera da Dra. Marina Bernardi sobre esta nova medicina.

.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Instagram

  • Hoje é  aniversário  dele❤
Um anjo abençoado que entrou em minha vida e acreditou em mim.
Porque uma simples atitude pode mudar toda sua vida?Com 3 meses de namoro ele investiu em mim. Eu não  tinha dinheiro pra fazer o curso de Microfisioterapia, há  10 anos atrás. Ele pagou. E a partir disso as portas só  se abriram. Se não  fosse por ele, pode apostar, eu não teria conquistado a maior parte das coisas que já conquistei.
Ele é  meu apoio diário, e minha alegria.
Amor que sua bondade e alegria nunca deixem de estar presente em sua vida. Sua motivação  é  algo cativante e que deve ser cultivada sempre.
Que Deus ilumine seus caminhosNós  te amamos 👼❤👪🐶
Feliz aniversário
  • Meu bebê chora muito, o que fazer?😱 Será que é fome? Dor de barriga? Hora de trocar a fralda?Existem vários motivos para seu bebê chorar excessivamente, porém..... Existe 01 MOTIVO ESPECIAL que você precisa saber!Mesmo em casos em que a gravidez foi super tranquila, o bebê ainda assim pode passar por algum CONFLITO como, por exemplo, ele pode ter se sentido muito apertado dentro da barriga, pode ter escutado barulhos que não gostou, etc.Como resolver isso?Seguem 03 DICAS para ajudar seu bebê a parar de chorar excessivamente: ✔️1.ACEITAR
Não julgue ou compare seu filho com outros bebês, aceite ele como um ser único e sua forma de se expressar.Cada bebê tem sua forma de perceber e sentir as coisas ao seu redor e, dependendo da forma que ele vive essa experiência, seu corpo pode responder através o choro excessivo. ✔️2.ENTENDER
Entenda que o fato do bebê chorar muito pode estar diretamente relacionado com conflitos que aconteceram ainda na barriga da mãe.O que para uma mãe pode ser tranquilo, para seu bebê dentro da barriga pode ser altamente desconfortável.Imagine que cheguem visitas em sua casa e que, apesar da mãe estar se divertido, conversando e escutando música junto com seus amigos, essa situação pode ser uma experiência desconfortável para o bebê.As músicas e as vozes que ele escuta podem estar altas demais e dependendo do tom das vozes pode até parecer ameaçador para ele. ✔️3.ACOLHER
Depois de aceitar e entender, é hora de acolher seu bebê com muito amor para ajudá-lo a superar o conflito que passou e resolver a causa do choro excessivo de uma vez por todas.Quando o bebê precisa da mãe e não encontra o apoio necessário, ele continua com o conflito e o choro excessivo é uma forma de mostrar isso.Quando a mãe aceita, entende e acolhe seu bebê ele se sente seguro e amado e, muitas vezes, é tudo o que ele precisa para mudar seu comportamento, parar de chorar e ficar tranquilo.Gostou então compartilhe com alguém que precisa saber disso!
  • Você deve fazer isso para se tornar expert em Germânica Heilkunde😍

Siga-me!!!